Seguidores

quarta-feira, 17 de setembro de 2014

Fonte Renascença-Sapo

A ministra da Justiça pediu desculpa sobre os problemas na plataforma Citius, mas desmentiu uma situação de caos.

“Não tem havido caos, houve transtornos e houve problemas, com certeza. E esses estou aqui a assumir, claramente, e peço em nome do Ministério da Justiça, desculpa. Pelos transtornos e pelas dificuldades, não por um caos que não chegou a haver", disse Paula Teixeira da Cruz aos jornalistas.

A ministra admitiu, no entanto, a existência de muitos problemas. Disse mesmo que, se soubesse que teriam esta dimensão, não se importava de ter adiado por várias semanas a entrada em funcionamento da reforma.

Esclareceu, contudo, que sempre lhe foi dito que o sistema funcionaria na data prevista. Ao lado da ministra, estava o director do Instituto de Gestão Financeira, que interrompeu Paula Teixeira da Cruz para assumir ser ele o responsável pelas informações e garantias que foram sendo dadas.

A ministra prometeu ainda dar explicações e apurar reponsabilidades. “A seu tempo, na Assembleia da República, darei as muitas outras explicações. Uma questão quero aqui deixar muito clara: não deixarei de apurar a responsabilidade que ao caso couberem. Como sei que o Instituto de Gestão Financeira não deixará de querer ele próprio e, por si próprio, e pela qualidade a que nos habituou, de querer apurar responsabilidades. Até ao limite", acrescentou.

Sobre uma possível demissão, Paula Teixeira da Cruz esclareceu que "em tempos de dificuldades" só pensa em resolver os problemas, "não em ir embora".

Paula Teixeira da Cruz falava aos jornalistas à margem da apresentação do projecto do Código de Processo nos Tribunais Administrativos e do Estatuto dos Tribunais Administrativos e Fiscais, no Ministério da Justiça.

   

2 comentários:

Olhos de mel disse...

Político, amiga, creio que todos eles são iguis em todo lugar. Nunca as coisas são exatamente, como foi dito, nunca eles sabem da verdade e nunca foi por descaso.
É complicado se acreditar em qualquer um, porque já estamos calejados de tanta coisa errada.
Belo post! Beijos

Cidália Ferreira disse...

Eu e a politica não nos damos bem, looooool

Beijos
http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/