Seguidores

terça-feira, 5 de agosto de 2014

Há muita gente que irá perder poupanças de anos

As acções do Banco Espírito Santo (BES) vão sair do PSI 20 a 11 de Agosto a valer zero, determinou a gestora da bolsa portuguesa.
A decisão foi anunciada em comunicado e tomada na sequência do resgate anunciado no domingo pelo Banco de Portugal.

Após essa intervenção do banco central, o BES perdeu a licença bancária e passou a ser apenas um conjunto de activos considerados tóxicos controlados pelos accionistas e credores subordinados.

Nas duas últimas sessões em que negociou em bolsa, ainda antes do resgate, o BES fechou a perder mais de 40%. A última cotação, antes de a negociação ter sido suspensa pela CMVM na sexta-feira passada, é de 0,12 euros por acção.

Um valor que é esmagado até zero pela Euronext, refere o mesmo comunicado. Ontem, o Citigroup avaliou estes títulos em um cêntimo.

Reduzido a um ‘bad bank, a recuperação do investimento dos accionistas e dos credores subordinados está dependente do valor conseguido na liquidação dos activos considerados problemáticos. No limite, podem perder tudo.

O Grupo Espírito Santo abandona assim o índice PSI 20, dado que o Espírito Santo Financial Group, o maior accionista do BES que pediu protecção contra credores, fora já excluído do índice.

 
 

5 comentários:

Dilmar Gomes disse...

Notícia lamentável, amiga Irene. Um abraço daqui do sul do Brasil. Tenhas uma boa tarde.

Cidália Ferreira disse...

Nem quero pensar nisto, mas é uma realidade, muito triste! :(

Beijo

http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

O Árabe disse...

Mais prejuízo, para mais gente. Às vezes, não acredito na capacidade que temos de prejudicar os nossos semelhantes. Boa semana, Irene!

Mira disse...

Irene, estamos rodeados de gente
ambiciosa, corrupta, e é no que dá,
beijos amiga, melhores dias virão

Kruzes Kanhoto disse...

Umas vezes ganha-se outras perde-se. É a vida.