Seguidores

quarta-feira, 13 de agosto de 2014

Fonte: Di´´ario Digital

O candidato do PSB à Presidência do Brasil, Eduardo Campos, é uma das vítimas mortais da queda um avião que se despenhou esta quarta-feira em Santos.

A informação da queda do avião foi avançada por uma fonte do partido à agência Reuters. A mesma fonte adiantou que a candidata do partido à vice-presidência, Marina Silva, não estava na aeronave.
O ex-governador de Pernambuco seguia num jacto particular que se despenhou esta manhã num bairro residencial em Santos, no litoral de São Paulo.
O candidato a Presidente da República tinha em agenda uma programação de campanha em Santos. Participaria às 8:00 e às 9:30 em entrevistas em emissoras de televisão locais, concederia uma entrevista colectiva às 12:30 e participaria de um seminário sobre o porto local às 14:30.
A autoridade Aeronática divulgou uma nota oficial pouco tempo depois:
O Comando da Aeronáutica informa que nesta quarta-feira (13/08), por volta das 10h, uma aeronave Cessna 560XL, prefixo PR-AFA, caiu na cidade de Santos, no litoral de São Paulo.
A aeronave decolou do Aeroporto Santos Dumont, no Rio de Janeiro, com destino ao aeroporto de Guarujá (SP). Quando se preparava para pouso, o avião arremeteu devido ao mau tempo. Em seguida, o controle de tráfego aéreo perdeu contato com a aeronave.
A Aeronáutica já iniciou as investigações para apurar os fatores que possam ter contribuído para o
acidente.

Pintura de Celito de Medeiros

6 comentários:

São disse...

Fez-me lembrar Camarate...

Paz a quem morreu!

Gostei muito de ouvir Miguel Reis na SIC .

Eu só me espanto como ainda há pessoas que acreditem no que Cavaco , Passos e o Director do Banco de Portugal dizem e , em plena crise, tenham investido no BES!!

Abraço, amiga, e fique bem :)

Dilmar Gomes disse...

Amiga Irene, aconteceu hoje pela manhã, 10 horas, horário de Brasília, o passamento do candidato Eduardo, ex-governador do estado de Pernambuco, neto de um político histórico, Sr. Miguel Arraes. Estamos chocados. Apesar de sabermos que a morte é a certeza da existência, ela sempre comove, sobretudo, quando se trata da morte de uma pessoa pública.
Um abração daqui do sul do Brasil. Tenhas uma boa noite.

Minha vida de campo disse...

Ficamos muito triste com a perda, era nosso candidato. Tínhamos esperança de que seria um ótimo presidente.
Bjos tenha um ótimo dia.

Tauana Pizzolatto disse...

É triste, uma alma tão jovem tão promissora. Mas o destino é quem nos diz a hora, e não á o que se fazer!!!


Bjos,
Tauana Raio De Luar
http://www.tauanaraiodeluar.blogspot.com.br

Rosemildo Sales Furtado disse...

Olá Irene! Passando para agradecer a tua honrosa visita e teu amável comentário. Realmente, o nosso Literatura & Companhia Ilimitada tem recebido poucos visitantes, talvez em função dos seus textos serem um pouco extensos, pois foi criado com o propósito maior de servir como fonte de pesquisa, principalmente, para os estudantes. Fico feliz que tenhas gostado e espero contar sempre com a tua tão valiosa visita.

Quanto ao Senhor Eduardo Campos, posso garantir que o Brasil perdeu um dos seus grandes homens, tanto como um ser humano de bem, quanto como um excelente político. Apesar de morar já há mais de 40 anos em Natal/RN, terra que amo de coração, sou pernambucano nascido em Recife e, portanto, conhecedor do passado do ex-governador que, com a sua partida, deixa uma grande lacuna no cenário político, não só de Pernambuco, mas do Brasil inteiro.

Beijos e uma ótima noite para ti e para os teus.

Furtado.

Élys disse...

Uma tristeza!...Uma grande perda para o Brasil.
Beijo, Élys.